Artistas Unidos apresentam Janeiro

Ano novo? Sim, abrimos 2015 no Teatro da Politécnica. Com Heiner Müller por Jorge Silva Melo (AJAX POR EXEMPLO) a partir de quarta, 7 de Janeiro (19h!) . E vamos a Évora, ao Bruxa Teatro, na 5a 8 e sexta 9 estrear AS HISTÓRIAS DO SENHOR KEUNER de Bertolt Brecht. E GATA EM TELHADO DE ZINCO QUENTE de Tennessee Williams estará em Almada de 15 a 18 de Janeiro. Vida Nova?


ÁJAX POR EXEMPLO e outros textos de Heiner Müller Tradução João Barrento Cenografia e Figurinos Rita Lopes Alves Luz Pedro Domingos por Jorge Silva Melo M12

No Teatro da Politécnica de 7 a 10 e a 16 e 17 de Janeiro
Às 19h00 
Reservas | 961960281
Preço único | 6 euros

Eu dinossauro não de Spielberg estou sentado
Pensando na possibilidade
De escrever uma tragédia.
Heiner Müller, Ájax por Exemplo

Ájax por exemplo é um longo poema sinuoso e descontínuo. É a confidência de um escritor que, num quarto de hotel, pensa escrever uma tragédia.
Jean-Pierre Morel

Fotografias ©Jorge Gonçalves


AS HISTÓRIAS DO SENHOR KEUNER de Bertolt Brecht Tradução Luís Bruhein Com João Meireles Cenografia e Figurinos Rita Lopes Alves Luz Pedro Domingos Encenação Jorge Silva Melo M12

Em Évora, A Bruxa Teatro, a 8 e 9 de Janeiro
De 20 a 31 de Janeiro no Teatro da Politécnica
3ª e 4ª às 19h00 | 5ª e 6ª às 21h00 | Sáb. às 16h00 e às 21h00
E após o espectáculo de 5ªf29 de Janeiro, haverá conversa com os espectadores
Preço único: 6 euros
Reservas | 961960281

“Qual é o seu trabalho?”, perguntaram ao senhor K. O senhor K. respondeu: “Preparo com grande esforço o meu próximo erro.”
Bertolt Brecht, As Histórias do Senhor Keuner

Bertolt Brecht também é o criador de uma misteriosa personagem que figura em vários contos escritos ao longo de trinta anos: o senhor Keuner, um sábio pouco convencional.

Fotografias ©Jorge Gonçalves


GATA EM TELHADO DE ZINCO QUENTE de Tennessee Williams
Tradução Helena Briga Nogueira Com Catarina Wallenstein, Rúben Gomes, Américo Silva, Isabel Muñoz Cardoso, João Meireles, João Vaz, Tiago Matias, Vânia Rodrigues, Rafael Barreto e as estagiárias da ESTC Inês Laranjeira e Margarida Correia Cenografia e Figurinos Rita Lopes Alves Construção Thomas Kahrel Luz Pedro Domingos Som André Pires Operação de Som Flávio Martins Fotografia Jorge Gonçalves Assistência Leonor Carpinteiro Produção Executiva João Meireles e João Chicó Encenação Jorge Silva Melo Uma Produção Artistas Unidos / Teatro Viriato / Fundação Centro Cultural de Belém / Teatro Nacional S. João, com o apoio do Centro Cultural do Cartaxo M16

Em Almada, no Teatro Municipal Joaquim Benite, 15 a 18 de Janeiro
Quinta a Sábado às 21h39| Domingo às 16h
Reservas | 212 739 360


PAPÁ POLLITT (devagar e num tom violento): MALDITOS SEJAM TODOS OS MENTIROSOS E MENTIROSAS! FILHOS DA PUTA (...) Sim, todos mentirosos, todos mentirosos, todos mentirosos, moribundos mentirosos. (...) Mentirosos, moribundos, mentirosos!
Tennessee Williams, Gata em Telhado de Zinco Quente

Um casamento destruído, a ausência de filhos, mistérios e mentiras. Heranças, valores, filhos, sexo. E a doença, a morte. O que é a propriedade privada?

O texto está editado em UM ELÉCTRICO CHAMADO DESEJO E OUTRAS PEÇAS de Tennessee Williams (Relógio d'Água).

Fotografias ©Jorge Gonçalves

Comments

Popular Posts