Thursday, September 5, 2013

Os Negócios do Senhor Júlio César no São João


Numa altura em que celebra 60 anos de atividade e vive um momento de notável renovação artística liderada pelo encenador Gonçalo Amorim, o Teatro Experimental do Porto – instalado em Vila Nova de Gaia desde o final do séc. XX – apresenta-se de novo na sua cidade natal. Primeira coprodução entre a companhia que teve em António Pedro o seu primeiro diretor artístico e o Nacional portuense, Os Negócios do Senhor Júlio César de Bertolt Brecht propicia a Gonçalo Amorim a oportunidade de prosseguir a sua investigação teatral sobre as manhas do poder político, a crise do capitalismo e as forças sistémicas que ele perversamente exerce sobre o indivíduo. Com adaptação de Rui Pina Coelho, o romance que B.B. deixou inacabado em 1939 confronta-nos com a dura aprendizagem de um jovem biógrafo que, através dos relatos de um banqueiro e das notas de um escravo, acede aos aspetos menos gloriosos da ascensão de Júlio César, pondo em marcha um implacável processo de desmitificação do carismático dictator romano. Uma obra que dialoga com a época de Brecht, marcada pela resistível ascensão de Hitler e pelo terror e miséria do III Reich, mas que esta encenação faz também comunicar com o tempo presente e as suas contradições, lançando-nos nesse torvelinho onde a História acontece.

de
Bertolt Brecht
adaptação
Rui Pina Coelho
a partir da tradução de
António Ramos Rosa
encenação
Gonçalo Amorim
apoio à dramaturgia
Rui Pina Coelho
apoio ao movimento
Vera Santos
cenografia
Rita Abreu
desenho de luz
Francisco Tavares Teles
figurinos
Catarina Barros
música original
Pedro Boléo, Samuel Coelho
sonoplastia e desenho de som
Luís Aly
adereços
João Rosário
stencil
André Neves
assistência de encenação
João Villas-Boas
interpretação
Ana Brandão, Catarina Lacerda, Carlos Marques, Daniel Pinto, Inês Pereira, João Miguel Mota, Nicolas Brites, Paulo Moura Lopes, Pedro Pernas (atores), Samuel Coelho (músico)
coprodução
CCT/Teatro Experimental do Porto, TNSJ
M/12 anos

Plateia e Tribuna
€ 16,00
Balcão e Frisas*
€ 12,00
Balcão e Camarotes 1.ª Ordem*
€ 10,00
3.º Balcão e Camarotes 2.ª Ordem*
€ 7,50


No comments: