Thursday, September 5, 2013

Coimbra acolhe 13 actores de língua portuguesa



Treze actores oriundos de Angola, Brasil, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe estão desde o início desta semana em Coimbra, em ensaios no Teatro da Cerca de São Bernardo, com o objectivo de construir o espectáculo “As Orações de Mansata”, de Abdulai Sila. A estreia está marcada para 17 de Outubro.

Os trabalhos cumpriram uma primeira fase em São Tomé e Príncipe durante o mês de Agosto e inserem-se no P-STAGE – Portuguese-Speaking Theatre Actors Gather Energies, um projecto de formação, criação e difusão teatral com o apoio do programa europeu ACP Cultures.
O P-STAGE é o quarto Estágio Internacional de Actores realizado pela Cena Lusófona. Desta vez, após a realização de três oficinas de interpretação realizadas em Angola, na Guiné-Bissau e em São Tomé e Príncipe (dirigidas, respectivamente, pelos encenadores Rui Madeira, Cándido Pazó e Márcio Meirelles), ele prevê a construção de um espectáculo em condições profissionais. A escolha da peça recaiu sobre a obra “As Orações de Mansata”, do escritor guineense Abdulai Sila, publicada na colecção “Teatro” da Cena Lusófona em 2011.
Para além dos dois actores de cada uma das três companhias envolvidas – A Escola da Noite e Companhia de Teatro de Braga (Portugal) e Bando de Teatro Olodum (Salvador, Brasil) – o elenco integra sete actores africanos, seleccionados a partir das oficinas.
Dirigidos pelo encenador António Augusto Barros, os ensaios mantêm uma forte componente formativa: ainda em São Tomé, os actores tiveram aulas de capoeira e em Portugal trabalharão com Filipe Crawford (técnica da máscara), Zebrinha (coreografia) e Jarbas Bittencourt (música), entre outros.
À semelhança do que aconteceu nas edições anteriores, e como é também seu objectivo, o Estágio Internacional está a revelar-se uma riquíssima oportunidade de intercâmbio cultural entre os participantes, tirando o máximo partido das diferentes experiências de cada um deles e estimulando a partilha de saberes e conhecimentos.
Uma riqueza que será partilhada com o público português a partir de 17 de Outubro – após a estreia e curta temporada em Coimbra, o espectáculo cumpre uma primeira digressão nacional, com apresentações confirmadas em Braga, Évora e Campo Benfeito (Castro Daire). Em 2014, o espectáculo será ainda apresentado em Salvador (Brasil), na Galiza, na Guiné-Bissau e em Angola.


No comments: