Festival FIMFA exibe cinco mil figuras a partir de 13 de Maio, em Lisboa

A oitava edição do FIMFA - Festival Internacional de Marionetas e Formas Animadas, vai decorrer entre 13 e 25 de Maio em Lisboa, com a apresentação de cerca de cinco mil marionetas de vários países, exposições e filmes.

Um total de 16 companhias profissionais apresentarão neste festival - organizado pelo Tarumba Teatro de Marionetas, e com direcção artística de Luís Vieira - algumas das suas mais recentes criações.

Com mais de uma centena de representações no decorrer do festival, em sala e na rua, o certame desenvolve também desde a primeira edição, em 2001, uma componente laboratorial e experimental, para aproximar e trocar experiências entre criadores, através de workshops, exposições e cinema.

Desenvolvido em conjunto com várias entidades, nomeadamente em parceria com a EGEAC, e as co-produções com o Teatro Maria Matos, o Museu da Marioneta e a Fundação Oriente, o FIMFA irá ainda realizar uma extensão no Teatro Aveirense, em Aveiro.

Na programação do festival surgem diversas técnicas, entre elas as sombras, objectos, manipulação directa, teatro visual e propostas estéticas que estabelecem ligações entre a marioneta, a dança, vídeo, circo, teatro e instalações plásticas.

Os espectáculos programados revelarão a múltipla utilização da marioneta nas artes cénicas de vários países, tais como o Reino Unido, Holanda, China, Índia, França, Espanha, Argentina, Bélgica e Portugal.

A guerra, o amor, arte, a memória e a desigualdade social serão alguns dos temas dos espectáculos do festival, cuja abertura oficial decorrerá no Museu da Marioneta com a companhia Buchinger`s Boot Marionettes, que apresentará uma homenagem a Alfred Jarry.

Esta companhia tem a particularidade de usar ossos, madeira, metal e plantas nas suas marionetas, que se apresentam com música orgânica e imagens projectadas.

Na área da formação, Toni Rumbau voltará ao festival este ano, desta vez com um workshop sobre "A Linguagem do Teatro Popular de Marionetas: Repertório, Prática e Teoria", onde revela alguns dos velhos segredos desta arte.
Lusa

Comments

Popular Posts