A Rentrée do Teatro Nacional de São Carlos

O concerto da rentrée: Do Barroco ao Bel Canto
O São Carlos abre ao público no próximo dia 28 de Setembro, às 21:00h, com o concerto inaugural da sua Temporada Sinfónica, DO
BARROCO AO BEL CANTO.
Dirigido por Cornelius Meister, este concerto marca o regresso da meio-soprano Vesselina Kasarova ao palco do São Carlos na interpretação de árias das óperas Ariodante e Alcina (Handel), La clemenza di Tito (Mozart), e L’italiana in Algeri (Rossini).
Destaca-se também a participação de duas jovens sopranos portuguesas:
Carla Caramujo e Sara Braga Simões. Carla Caramujo, que se apresenta pela primeira vez no São Carlos como solista, interpreta árias das óperas Zaira (Marcos Portugal) e Don Pasquale (Donizetti); Sara Braga Simões, que integrou o elenco de Macbeth no São Carlos em Maio último, canta árias das óperas Testoride Argonauta (João de Sousa Carvalho) e I Capuleti e i Montecchi (Bellini). Depois do seu desempenho em Lauriane (Augusto Machado), o barítono José Fardilha volta ao palco do São Carlos na interpretação de árias de Le nozze di Figaro (Mozart) e Rinaldo (Handel).

Cornelius Meister que dirige, pela primeira vez, a Orquestra Sinfónica Portuguesa, tem vindo a destacar-se no panorama internacional. Em 2005 estreou-se na Staatsoper de Munique à frente da produção de Hänsel und Gretel, fez a estreia alemã de Angels in America de Peter Eötvös (Staatsoper de Hamburgo) e, em 2006, foi convidado a dirigir a ópera Fidelio no New National Theatre em Tóquio.

Concertos em Outubro
Em Outubro, a Temporada Sinfónica no São Carlos prossegue com um concerto comemorativo do Centenário da Morte de Alfredo Keil, no dia 13, do qual se destaca a participação de Elisabete Matos, e a 19, a realização de uma Gala de Ópera com o tenor José Cura que interpreta árias de óperas e dirige a Nona Sinfonia de Beethoven.

Música de Câmara no Foyer do São Carlos
Na iniciativa Foyer Aberto inscrevem-se seis séries de concertos de
música de câmara com a participação de cantores, instrumentistas,
ensembles da Orquestra Sinfónica Portuguesa e o Coro Feminino do TNSC. Sempre de entrada livre.

Concertos no CCB
A partir de Janeiro de 2008 a Orquestra Sinfónica Portuguesa volta ao Grande Auditório do Centro Cultural de Belém com uma série de
concertos orientada pela estética inglesa: The Spirit of England. De
entre os compositores incluídos no calendário de concertos, refira-se Ralph Vaughan Williams e a sua Serenade to Music, uma obra para 16 intérpretes solistas, e Gustav Holst com The Planets.

O São Carlos em São Miguel: Concerto . Exposições . Ópera
Entre 22 e 29 de Setembro o Teatro Micaelense recebe o São Carlos para a realização de um programa diversificado que inclui um concerto pelo Coro do Teatro Nacional de São Carlos (De Viena à Broadway), duas exposições sob os temas «Como se faz uma ópera?» e «Cenários da Ópera», e duas récitas de L’elisir d’amore, de Gaetano Donizetti, com direcção musical de Cesário Costa e encenação de Francesco Esposito.
Da produção de L’elisir d’amore destaca-se um elenco português que reúne os nomes de Mário João Alves, Dora Rodrigues, Luís Rodrigues, Diogo Oliveira e Lara Martins, para além da participação da Orquestra Sinfónica Portuguesa e do Coro do TNSC. Com o patrocínio do Millennium bcp, Mecenas Exclusivo do Teatro Nacional de São Carlos.

Comments

Popular Posts