Friday, August 16, 2013

Teatro e Dança | Setembro, Outubro 2013 no Teatro Maria Matos



teatro e dança setembro, outubro 2013
no Teatro Maria Matos
( Bilhetes à venda para todos os concertos a partir de hoje na bilheteira física e online do Teatro Maria Matos, ABEP, Agência de Alvalade, CTT, Fnac, Teatro São Luiz e Worten )

teatro
Two Maybe More (na foto)
Marco Martins

6 a 14 setembro (exceto 9 a 11) 21h30
14€ / 7€
Two Maybe More é um projecto multidisciplinar que reflecte sobre as temáticas da relação do indivíduo com o mundo exterior, do privado com o espaço público. Partindo da linguagem coreográfica de Sofia Dias e Vítor Roriz, moderada pelos textos de Gonçalo M. Tavares e a música de Pedro Moreira, conta ainda com a colaboração do Coro Gulbenkian, que surge aqui não no tradicional papel de acompanhamento musical dos intérpretes, mas como parte da estratégia do próprio movimento.

There’s no such thing as society
Ao longo dos próximos meses, o Teatro Maria Matos e os seus parceiros da rede House on Fire irão dedicar atenção ao ressuscitado debate sobre o individual e o comum.

There’s no such thing as society
performance
Re-presentación: Númax 1979
Roger Bernat (Barcelona)

18 setembro 21h30
Entrada livre
Em 1979, depois de dois anos e meio de greves, mobilizações e autogestão, os trabalhadores da fábrica de eletrodomésticos Númax decidiram fazer um filme ― Númax presenta ― com o realizador catalão Joaquim Jordà a narrar esta luta. O filme é uma recolha das discussões e de alguns comités e assembleias dos trabalhadores da fábrica. Em Re-presentación: Númax 1979, Roger Bernat convida o público a participar na reconstituição de algumas cenas do filme de Jordà, recriando os debates e as lutas dos operários da Númax.

There’s no such thing as society
performance
In Common
Ivana Müller (Zagrebe/Paris)

20 e 21 setembro 21h30
12€ / 6€
Dez performers partilham o mesmo palco, a mesma linguagem e o mesmo conjunto de regras, e inevitavelmente deparam-se com situações que têm de resolver em conjunto, problemas comparáveis aos que conhecemos das democracias contemporâneas. O que acontece quando as pessoas se juntam? Aquilo que representamos e como somos representados são as questões cruciais que atravessam este trabalho, em que uma série de proposições coreográficas criam um surpreendente espaço de explorações sociopolíticas.

There’s no such thing as society
performance
We are still watching
Ivana Müller (Zagrebe/Paris)

21 setembro 19h30
Entrada livre
We are still watching tem o formato de um primeiro ensaio, em que os atores, sentados à volta de uma mesa, se confrontam pela primeira vez com a peça. A diferença é que aqui são os próprios espectadores que leem pela primeira vez o texto da peça. Ao longo de uma hora passada na companhia uns dos outros, os espectadores dão corpo a uma comunidade temporária tomando decisões individualmente e em conjunto, mas nunca se desviando do guião. Na sociedade em miniatura que se desenvolve ao longo do espetáculo, cada um vai, aos poucos, assumindo o seu papel.

There’s no such thing as society
workshop
Futuro 2.0
Harald Welzer (Berlim)

28 setembro 10h30 às 13h00
Entrada livre (sujeita à lotação da sala) mediante inscrição até 26 setembro para producao@teatromariamatos.pt
Neste workshop, Harald Welzer apresenta o projeto FUTURZWEI, as suas razões, o seu conteúdo, os seus objetivos. Os participantes são convidados a partilhar projetos e iniciativas similares do seu próprio conhecimento.

dança
What the Body Does Not Remember
Wim Vandekeybus (Bruxelas)

27 e 28 setembro 21h30
15€ / 7,50€
Corria o ano de 1987 e Wim Vandekeybus surpreendia o mundo da dança estreando com a sua companhia Ultima Vez o espetáculo What the Body Does Not Remember. No ano seguinte, em Nova Iorque, o coreógrafo e os compositores Thierry de Mey e Peter Vermeersch receberam os prestigiados prémios de dança e performance Bessie e a peça consagrou-se como uma das mais influentes criações da dança contemporânea. Passados 25 anos e com um novo elenco, What the Body Does Not Remember faz uma nova digressão mundial e passa por Lisboa.


teatro | coprodução mm
Macbain
Gonçalo Waddington e Carla Maciel

16 a 20 outubro
quarta a sábado 21h30 domingo 18h00
12€ / 6€
O holandês Gerardjan Rijnders é um dos dramaturgos mais fascinantes da atualidade. Após um encontro com o casal de atores Gonçalo Waddington e Carla Maciel, decidiu escrever uma peça de teatro para eles sobre dois outros casais: o casal Macbeth, a partir de Shakespeare, e Kurt Cobain & Courtney Love, a partir da biografia Heavier than Heaven de Charles R. Cross.

Imagem gráfica desenvolvida

44.º Aniversário Teatro Maria Matos + 10.º Aniversário mala voadora & Mundo Perfeito
Ao longo de 5 semanas o Teatro Maria Matos apresenta um vasto programa de espetáculos que assinala o décimo aniversário da mala voadora e do Mundo Perfeito. Não há aniversário sem festa e, a convite do Teatro, as duas companhias juntam-se para organizar uma maratona artística intitulada 10 anos 10 horas que servirá também para assinalar os 44 anos do Teatro Maria Matos.

10 anos 10 horas
44.º Aniversário Teatro Maria Matos + 10.º Aniversário mala voadora & Mundo Perfeito
26 outubro 16h00 às 02h00

Tristeza e Alegria na Vida das Girafas
Mundo Perfeito
30 outubro e 2 novembro 21h30

overdrama
mala voadora
31 outubro e 1 novembro 21h30

Se uma janela se abrisse
Mundo Perfeito
7 novembro 21h30

what I heard about the world
mala voadora + Third Angel
8 e 9 novembro 21h30

Os Justos
mala voadora
14 novembro 21h30

Três dedos abaixo do joelho
Mundo Perfeito
15 e 16 novembro 21h30

By heart (nova criação)
Mundo Perfeito
20 a 23 novembro 21h30

Paraíso 1 (nova criação)
mala voadora
26 a 29 novembro 21h30

Cada espetáculo 12€ / 6€
Passe especial para todos os espetáculos 28€ / 14€

No comments: