Tuesday, March 3, 2009

O Teatro das Beiras e a Companhia de Teatro de Braga no Teatro da Cerca de São Bernardo




No âmbito da Plataforma das Companhias, A Escola da Noite acolhe esta semana, entre 5 e 9 de Março, de quinta-feira a domingo, no Teatro da Cerca de São Bernardo, espectáculos do Teatro das Beiras e da Companhia de Teatro de Braga (CTB).

A primeira companhia a apresentar-se ao público da cidade é o Teatro das Beiras, nos dias 5 e 6 de Março, quinta e sexta, às 21h30, com a comédia “Hotel de Província”, de Alekandr Vampilov, com encenação de Gil Salgueiro Nave, seguindo-se a Companhia de Teatro de Braga, nos dias 7 e 8 de Março, sábado e domingo, também às 21h30, com um clássico da literatura universal: “As Bacantes” de Eurípides, com encenação de Rui Madeira.

“Hotel de Província”, é um espectáculo construído a partir da comédia em um acto, “Incidente com um compaginador” do dramaturgo russo Aleksandr Vampilov (1937/1972). A acção desenrola-se num hotel estatal algures na longínqua Sibéria onde o protagonista, um funcionário público de irrelevante importância social, se comporta como um cacique de poderes ilimitados, excedendo-se no seu exercício. Os conceitos de ordem e disciplina ganham um estranho sentido absurdo e incongruente num pequeno mundo donde parece ter-se ausentado a sensatez e a humanidade. A chegada de um novo hóspede ao hotel e uma vez equivocada a sua identidade, põe toda a estrutura de poder e chefia em causa, o hotel entra em colapso e desmorona-se caoticamente. Como em outros momentos da história do teatro, também aqui a comédia é a forma de exorcizar fantasmas e pôr a ridículo os “poderosos” mesmo se o seu poder é mesquinho, insignificante e efémero. Vampilov denuncia nesta comédia a corrupção, não apenas nas altas instâncias, mas nos mais pequenos funcionários, insignificantes sem identidade mas que mesmo assim exercem o seu escasso poder de forma tirânica.

“As Bacantes” reúne em palco um grupo muito diversificado: para além da participação de actores do elenco da CTB e de actores brasileiros num estágio da Cena Lusófona, um conjunto de actores estagiário que participaram na oficina "Bacantes: uma orgia do Poder". No total, 19 pessoas em cena numa proposta que nas palavras do encenador pretende ser “Um espectáculo sobre o Sentir, o Saber e o Acreditar! Sobre a Política e a organização da Cidade. Sobre a Vingança. Sobre a necessidade mais funda que temos de dizer Não e de rompermos a Norma. Um espectáculo sobre a Condição Humana. A luta entre o Sagrado e o Profano. Um caminho de Viajantes e de Confronto de Identidades. Um espectáculo de Mulheres! Uma tragédia do Mundo!”

A presença em Coimbra das Companhias da Covilhã e de Braga surge no âmbito da Plataforma das Companhias, uma aliança informal de colaboração entre seis companhias de teatro sediadas fora de Lisboa e empenhadas na descentralização teatral - que inclui, para além d'A Escola da Noite, da CTB e do Teatro das Beiras, o Centro Dramático de Évora (Cendrev), a Companhia de Teatro do Algarve (ACTA) e o Teatro Regional da Serra de Montemuro.

Quem desejar assistir aos dois espectáculos que vão ser apresentados, pode fazê-lo em condições especiais: o preço do bilhete para um espectáculo varia entre 6 e 10 Euros e para os dois entre 8 e 12 Euros.


A Escola da Noite
Teatro da Cerca de São Bernardo
Cerca de São Bernardo
3000-097 COIMBRA
telefone 239718238
telemóvel 966302488
fax 239 703761
e-mail geral@aescoladanoite.pt
www.aescoladanoite.pt

“Hotel de Província”
autor: Alekandr Vampilov
encenação: Gil Salgueiro Nave
cenografia e figurinos: Luís Mouro
actores: Fernando Landeira, João Ventura, Luís Campião, Rui Raposo Costa, Sónia Botelho e Teresa Baguinho
5 e 6 de Março quinta e sexta 21h30

“As Bacantes”
autor: Eurípides
encenação: Rui Madeira
actores: Carlos Feio, Jaime Soares, Rogério Boane, Solange Sá, Teresa Chaves
actores estagiários no âmbito da Cena Lusófona: Allex Miranda, Mabelle Magalhães, Thamara Thaís
actores estagiários no âmbito da oficina "Bacantes: uma orgia do Poder": Aleixo Morgado, Ana Cristina Oliveira, Ana Lestra Gonçalves, André Silva, Ângela Leão, Armanda Barbosa, Carina Luz, Cristina Silva, Marisa Queirós, Raquel Ferreira, Sofia Miranda
dramaturgia: Rui Madeira
cenografia: Samuel Hof
figurinos: Sílvia Alves
desenho de luz: Fred Rompante
7 e 8 de Março sábado e domingo 21h30

No comments: